Aviso aos seguidores

Amigos a partir de hoje esse blog ficará apenas para visualização dos amigos, eu convido á todos para visitarem o meu outro blog a Lucimar Estrela da Manhã, e se quiser me seguir ficarei muito feliz em ter você lá, e deixe o seu link para eu poder retribuir.
http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Xixi na Cama

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Pais, fiquem atentos: Xixi na cama até tarde está associado a questões psicológicas ou disfunções orgânicas. O problema acabou de repente. Aos 3 anos, Amanda começou a fazer xixi na cama com frequência, preocupado seus pais. "Minha filha ficava arrasada. Não entendia por que as coleguinhas não faziam xixi na cama como ela", conta o economista carioca Marcelo Monteiro, pai da garota, que hoje aos 6 anos, mantém os lençóis secos, após passar por tratamento. Enurese noturna, termo técnico para quem não controla a urina durante a noite, é uma questão séria, que pode provocar intenso sofrimento familiar. E pode ter como gatilhos questões psicológicas ou físicas. No caso de Amanda o detonador foi uma infecção urinária. Mas uma das causas conhecidas da enurese noturna é a retirada precoce da fralda. Estudos indicam que a idade ideal para desfralde é a partir de dois anos e meio, quando o sistema nervoso atinge maturidade para controlar a micção. A Associação Psiquiátrica Americana define como enurética a criança a partir dos cinco anos que ainda se molha. "Até essa idade não é preocupante", afirma o pediatra carioca Daniel Becker. Porém, se o problema está trazendo sofrimento para a família ou prejudicando a vida social da criança, ela deve ser levada ao médico, independentemente da idade. Os pais devem ficar atentos aos principais sinais da enurese: infecção urinária, dor de barriga ou nos órgãos genitais ao urinar, urgência de fazer xixi, prisão de ventre e quando a criança molha a cama de três vezes por semana. O mal noturno também prejudica o relacionamento familiar, já que muitos pais ficam irritados com a rotina de troca de roupas de cama e colchões molhados. A pediatra Eliane Garcez, doutora em saúde da criança pela Fundação Instituto Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro, pesquisou o assunto numa comunidade carente do Rio de Janeiro e constatou que, infelizmente, 46% das crianças enuréticas já tinham sido punidas fisicamente. Estudos também demonstram que as disfunções da micção podem estar associadas ao mau funcionamento dos rins ou ter origens neurológicas, quando o cérebro não recebe a informação de que a bexiga está cheia e a urina escapa. Além disso, se não for devidamente cuidada, a criança pode desenvolver insuficiência renal e sofrer graves danos psicológicos. "Antes, a enurese era tida apenas como expressão de problema emocional. Tanto que a psiquiatria foi a primeira área a estudar o problema", afirma a pediatra Eliane Garcez. Diante dessas constatações, há um esforço para que o distúrbio seja tratado de forma eficaz. Uma das novidades é a eletroestimulação. O método, usado até recentemente apenas em adultos, consiste na colocação de eletrodos em algumas partes do corpo (como nos tornozelos) da criança. Eles emitem uma corrente elétrica de baixa frequência por 20 a 40 minutos. O objetivo é estimular a bexiga a trabalhar de forma mais adequada. "Em alguns casos, o método resolve o problema em 20 sessões, três vezes por sedmana", explica Eliane. Eletroestimação DIFÍCIL CONTROLE: Sinais de problema:
  • Após seis meses da retirada da fralda, persistem os escapes de xixi.
  • A criança continua fazendo xixi na cama após os cinco anos.
  • A urina sai gotejando e não em jatos.
  • Ela reclama de dor na hora de urinar.
  • A criança urina pouco e tem prisão de ventre.
O QUE AJUDA:
  • Evitar os líquidos diuréticos três horas antes e dormir.
  • Lembrar a criança de ir ao banheiro todas as noites antes de se deitar.
  • Não permitir que a criança vá para a cama dos pais após molhar a cama.
  • Não puni-la: broncas e palmadas só a deixarão mais ansiosa e infeliz com uma situação sobre a qual ela não tem controle.
Fonte: Revista Isto É Matéria: Wilson Aquino 02/06/2010
 Compartilhe esse post com seus amigos.

Barrinha MaynaBaby

24 comentários:

  1. Essa reportagem é super interessante para quem tem filhos ou pretende tê-los.
    Beijo
    Boa terça

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante e há tantos casos!!beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
  3. Olá! Sou Ronaldo Silva
    Proprietário e administrador do B. A. B Comunidade.
    (http://babcomunidade.blogspot.com.br/)
    Sou responsável pela confecção das carteirinhas de membro do Agenda dos Blogs.
    Recomendado pela AGENDA DOS BLOGS Passei para seguir seu blog
    E aproveitando esse momento
    Gostaria de lhe convidar á fazer parceria com o B.A. B e se desejar.
    Curta nossas páginas no facebook.
    https://www.facebook.com/adotec
    https://www.facebook.com/pages/BABcomunudade/121742577978494
    https://www.facebook.com/GrupoSabuka
    https://www.facebook.com/GpaConstrutoraLtda
    https://www.facebook.com/mldrikasyescosmetics
    https://www.facebook.com/pages/MP3S-Brasil-SHOWS/358721340893913
    https://www.facebook.com/pages/Ajuplay-Produ%C3%A7%C3%B5es/318426934925898
    Quando puder visite o B.A.B Comunidade deixe seu comentário na (PÁGINA: COMUNIDADE). Não esqueça de postar o link da sua página do facebook, ou se preferir envie o uma solicitação de amizade nesse link: https://www.facebook.com/Addotec
    Ainda mais! Você pode também postar o link ou indicar um blog de amigo ou amiga para o B.A.B Comunidade o seguir, esse é o nosso objetivo.
    “Fazendo Amizades e Compartilhando Conhecimento”

    ResponderExcluir
  4. Artigo muito interessante.
    Acrescendo ainda no estado psicológico a chegada de irmãozinho.

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu.. ja estou te seguindo tb, ta?? vou dar um passeio no seu blog... bjjjjj

    ResponderExcluir
  6. ótimo post, principalmente para as mamães d eprimeira viagem.... bjs
    tititi da dri

    ResponderExcluir
  7. Muito boa essa reportagem.
    Temos esse problema aqui em casa, e estamos fazendo de tudo para tratá-lo.
    Beijos
    Jack

    ResponderExcluir
  8. Tenho um filho de 3 anos e meio e eu coloco fralda a noite para prevenir que ele não faça xixi na cama e no outro dia a fralda está sequinha.
    Bom post.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Amei o post.
    Não tive problema com meus filhos, mas sei que tem muita gente que passa por isso. e devido ao medo que gera acaba colando o filho de fralda a noite. O importante é monitorar o sono de seu bebê e procurar levá-lo ao banheiro antes de dormir, ajuda tb. Colocar fralda a noite, gera insegurança na criança.
    Bju

    ResponderExcluir
  10. Esse é um problema que estou enfrentando em casa, mais isso é normal para as crianças, tem pais que batem nos filhos eu não, eu só converso com ele.

    ResponderExcluir
  11. Oi Lucimar,
    estou com saudades!!!
    Muito boa essa matéria,graças á Deus que eu não tive essa preocupação minha primeira filha só mijou na cama uma vez e deixou de usar frauda com menos de 2 anos,
    já a minha segunda filha mijou na cama poucas vezes,mas também largou as fraudas cedo,mas é muito boa a matéria assim orienta muita gente! Beijos!!!
    Ione Viana

    ResponderExcluir
  12. Olá amiga,
    Boa postagem e oportuna também, uma semana de paz pra ti

    Bjinhus
    Xuchu

    ResponderExcluir
  13. Excelente post,Lucimar!

    Seu blog é nota 1000!

    Sempre com textos que a todos interessam e esse assunto todos os pais precisavam ler!
    Vou encaminhar o link de seu blog p amigos.

    Bjs e linda semana

    Donetzka

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde amiga vim conhecer seu blog e já estou te seguindo seu blog e lindo meu parabéns,te convido pra vc conhecer o meu cantinho ficarei feliz em ter vc lá.
    Tenha uma tarde abençoada fique com Deus...bjsss

    http://cantinhodajanaartes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Bom dia!
    Sabe acredito que as crianças em especial sempre tem uma causa para qualquer mínimo
    descontrole.
    O proprio Cristo alertou para que adultos se espelhassem nos pequenos.
    Penso que parte da inversão dos ultimos tempos
    dá tambem por conta
    que deixamos de olhas pras crianças como crianças que são.
    Otima materia.
    Ja seguindo
    Bjins
    Catiaho Reflexo d'Alma

    ResponderExcluir
  16. Oi Lú, obrigada e bom fim de semana p vc! amei as dicas principalmente agora q vou ser mamãe...bjimmm
    www.bybeiju.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oie Lu
    O kid q eu cuido aki ele eh sonambulo e dormindo mija em qlq lugar!
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Olá amiga Lucimar,
    Venho aqui agradecer a sua bela participação no meu blog, entendendo o espírito da brincadeira e aproveito para desejar um fim de semana perfeito pra ti

    Abraços,
    RioSul

    ResponderExcluir
  19. Obrigado por sua visita ao meu blog.Gostei muito dessa sua postagem,estou passando para minha filha.bjs

    ResponderExcluir
  20. muitos pais não sabem e nem querem saber o que está acontecendo com a criança. Mas os pais que nasceram para serem pais de verdade procura a causa achar a solução.
    Seu blog é maravilhoso porque retrata temas atuais e de muita importância para a família. Fiquei te conhecendo através da agenda dos blogs e já te admiro!

    ResponderExcluir
  21. Olá amiga, obrigada pela visita e carinho!
    Ótimo teu post, adorei...Um beijão e fique com deus!
    Volte sempre!

    ResponderExcluir
  22. Olá adorei seu blog , estarei sempre por aqui
    se você poder seguir o meu de volta ficaria
    super feliz em ter você fazendo parte do meu blog

    BLOG :http://charmantye.blogspot.com.br/

    Fâ PAGE: https://www.facebook.com/Charmosa.cleidianesouza

    ResponderExcluir
  23. Olá nil,demorei mas fui visitar o seu blog de selinhos,só não consegui comentar nele.
    Mito Obridada amiga!
    Beijos!!!
    Ione Viana

    ResponderExcluir
  24. Olà, Lucimar

    Eis aqui uma dica interessante .
    A minha filha està com 8 meses e jà vai ao wc sozinha kkkkkkk (brincadeira) .

    Uma dica na hora certa, as vezes ficamos sem saber como agir diante certos atos das crianças .
    Violencia com crianças nunca leva a lado nenhum e acho isso desumano .
    Parabéns pela postagem, esta ficarà bem guardada ;)

    Ps: Tenho selos para você .
    Abraços e bom fim de semana .

    ResponderExcluir

Para amigos anônimos podem postar assim:
1-Escreva o comentário
2-Clique em comentar como: clique em anônimo
3-Clique publicar

Amigas (os) divulgue o seu blog no Facebook clique em:

Grupo Amigos